Blog Móveis Mara



Móveis Mara Publicado: 06/03/2020


Antes de começarmos a criar, é preciso saber o que é um jardim de inverno. Esse tipo de projeto faz uma grande diferença dentro de casa, principalmente no clima interno. Ele pode ser um complemento dos quintais, e serve para dar um toque mais verde dentro da residência.

Também funciona para repaginar um pouco a casa, utilizando elementos naturais que transmitem beleza e outros benefícios. Descubra um pouco mais sobre esse assunto, e confira algumas dicas para montar o seu jardim de inverno.

 

O que é jardim de inverno?

O jardim de inverno surgiu nos países mais frios, com temperaturas extremamente baixas, que prejudicam o cultivo de determinadas plantas nas áreas externas. E a solução encontrada foi de levar um pouco de terra e algumas mudas para locais protegidos dos ventos e intempéries.

Como resultado foram criados espaços anexos às residências, ao lado de cozinhas, corredores, salas e varandas. Dessa forma, é possível aproveitar das belezas das folhagens mesmo em períodos rigorosos de inverno, sem se preocupar com os danos causados às plantas por causa do frio extremo.

Mas apesar de ser pensado para regiões mais frias, esse tipo de jardim pode ser construído em qualquer lugar. E tem ganhado, inclusive, cada vez mais destaque aqui no Brasil, onde valorizamos a presença das plantas para purificar e refrescar os ambientes em dias quentes.

 

Como criar o jardim de inverno

Geralmente os jardins de inverno são fechados nas laterais e costumam apresentar uma abertura no teto. Se sua casa não possui uma área com iluminação zenital (proveniente do topo do recinto), vale a pena investir na reforma do local para criar um espaço aberto na cobertura.

Mas se você não quer fazer grandes mudanças, a dica é aproveitar outros espaços que costumam receber bastante luz natural. As varandas ou sacadas fechadas com vidro são ótimos exemplos, pois fornecem claridade e ventilação suficiente para o crescimento e desenvolvimento das plantas.

Outra opção é construir o projeto sob o vão de uma escada que tenha cobertura transparente (geralmente, clarabóias de vidro, acrílico ou policarbonato). É uma ótima opção para quem precisa otimizar o espaço e não quer desistir da ideia de ter um jardim dentro de casa.

 

Prepare o piso

Depois de escolher o local ideal, é preciso preparar a área que vai receber as mudas. Quer dizer que será necessário impermeabilizar o piso e criar bordas em torno do canteiro, que será preenchido com substrato. Porém, se você optar pelo cultivo em vasos pode pular esta etapa.

 

Escolha as plantas

Optar por espécies que se adaptam facilmente aos ambiente internos como orquídeas, suculentas, samambaias e azaleias, é uma ótima escolha. É importante variar as espécies, para deixar o ambiente mais bonito e com aspecto natural. Em seguida, simule combinações de flores e folhagens e faça o plantio.

 

Decore com revestimento

Utilizar materiais como rochas, bambu, madeira de demolição e tijolinho podem agregar muito ao projeto, dando um charme ao ambiente. Procure utilizá-los como revestimentos no piso e nas paredes do jardim. Mas se preferir algo mais moderno e clean, pode trocar por placas de cerâmica, porcelanato ou ladrilhos hidráulicos.

Você pode usar toda a sua criatividade para deixar o ambiente do seu jeito. Pode criar um caminho com seixo rolado e um painel de fundo utilizando pedras em corte canjiquinha. Também pode pintar a parte de uma superfície vertical de preto para compor uma parede de lousa. Use e abuse da sua criatividade para dar mais personalidade ao local.

 

Use acessórios

Os acessórios são essenciais para dar vida ao projeto. Para ousar um pouco, ótimas opções são ganchos, grades de ferro, floreiras diferenciadas e suportes pendentes para fixar as plantas em vasos e levar as folhagens para diferentes níveis além do piso.

Alguns recursos como fontes, lanternas, cascatas e sino dos ventos, são incríveis para incluir os elementos água, fogo e ar ao ambiente que já traz bastante terra. E se faltar espaço para novas mudas, instale nichos e prateleiras.

 

Móveis para finalizar

É possível incluir móveis no jardim de inverno. Pode ser só um banquinho para fazer leituras tranquilas ou um jogo de cadeiras com mesa – para usar durante um chá da tarde, ler ou trabalhar. Para deixar esse cantinho mais confortável e aconchegante não deve haver limites.

 

Faça a manutenção

Fazer a limpeza com frequência, retirando galhos secos e folhas amareladas é muito importante para deixar o local mais bonito e charmoso. Verifique a necessidade de regar e adubar cada planta e sempre faça vistorias à procura de bichinhos, pois os jardins de inverno, assim como os externos, também estão sujeitos ao surgimento de pragas.

Se conseguir manter o local organizado e respeitar as condições de cada espécie, a manutenção não será muito complicada, e você terá um jardim incrível, charmoso e MARAvilhoso em sua casa.

jardim-de-inverno

Gostou do conteúdo? Quer transformar sua casa também? Aqui na Móveis Mara temos uma equipe especializada e preparada para atender suas necessidades. Venha nos fazer uma visita e traga seu projeto dos sonho. Vamos transformá-lo em realidade juntos!

Precisa de ajuda? Iniciar Chat